Bancada do PP confirma para a Fecomércio-RS contrariedade à elevação de impostos

17 ago 2015

A direção da Fecomércio-RS obteve apoio contra a elevação de alíquotas de Imposto sobre Circulação de Bens e Serviços (ICMS) e outros tributos. Na visita que a diretoria da entidade fez aos parlamentares nesta quarta-feira (12), os deputados do PP reiteraram a disposição de votar contra a proposta. O Partido Progressista (PP) é a quarta maior bancada da Assembleia, com sete deputados.

Nos encontros na Assembleia Legislativa, o presidente da Fecomércio-RS, Luiz Carlos Bohn, buscou sensibilizar os parlamentares sobre o efeitos da proposta que penalizaria ainda mais a sociedade e o setor empresarial. “A cada ano, os brasileiros entregam R$ 2 trilhões aos cofres do governo em forma de impostos – e trabalham cinco meses do ano apenas para esta finalidade. Há muito tempo o Estado gasta mais do que arrecada e, ao longo desse período, surgiram fontes alternativas de financiamento do déficit público. Mas agora essas fontes se esgotaram e há a necessidade urgente de encontrar alternativas para acabar com o déficit estrutural”, pontuou o dirigente.

19897348964_21b9bb2ce8_o

Fonte: Ascom